domingo, 8 de dezembro de 2013

Anyway thought it was good until they had invented the atomic bomb - Nicolas Santos

Aos meus olhos tudo é violento em demasia, desde as vestes que nos escondem de olhos furiosos até as palavras levianas atiradas em vós. Isso arderá, noto que dedicas e cultiva um certo carinho por mim, não declinarei, viverei o medo de encantar-me por suas sombras e aventuras. Amor o amor não existe, isso que abre meus olhos é pleno e lógico, nada condenará a gente, nem mesmo a coragem dos que abandonam esse plano. Não sei o que consideram, não questiono. Porém e descompromissadamente, ressurgi quando soube que sabia, essa intenção não tem compromisso. Deveria adotar o meu sorriso espontâneo como algo relevante, mesmo quando longe, mesmo sem motivos, apenas para que eu tivesse razão. Disseminam a violência travestida de amor, resgatam sentenças para justificar, ganho com cada segundo que perco. Desvirtuo quem quero. Pequenos gestos carregam objetos para cima e baixo. Decoro de quem pretendo e nem mesmo tomar água sara esta garganta. Viva tua saudade e descomplique-me. Jorre sangue mas não interrompa a marcha fúnebre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário