domingo, 15 de janeiro de 2012

Mais um sobre tristeza - Nicolas Santos

Se debruçou sobre a cama com a cabeça pronta pra se perder em um mar de sentimentos, um turbilhão de emoções, fechou os olhos e se pôs a lembrar.

Lembrou de tudo aquilo que era necessário esquecer, mais uma noite em claro e ela ainda não precisa de você, nunca precisou, sempre viveu tão bem, na cidade dela, com os amigos dela, com os lugares prediletos que só existem onde tu não pode ir, lá. Lá é longe, não dá pra medir, não dá pra sentir, só da pra ver se perder, só não dá pra esquecer.

Dos meus olhos saltam todo tipo de coisa que só a minha imaginação pode ver, você deveria saber o quanto somos felizes dentro da minha cabeça, meu coração já não se queixa, deita em rede de balanço esperando pelo dia da “reativação” deixei aquela usina nuclear abandonada, ainda não quero que a 3, 4 e 5 guerras mundiais comecem dentro de mim, muito cedo pra destruir tudo que demora tanto tempo pra ficar pronto.

Não quero trincheiras e soldados que só fazem besteira, sem tiros, sem nada, só quero aves cujas eu nunca vou saber o nome, voando no céu que existe dentro de mim, meu inferno fica do lado esquerdo, tanta gente queima e arde em pensamentos perversos, ali, mato gente, mato amores e construo saudades, um inferno em perfeito funcionamento, dono de mim mesmo, tão sem rumo. Tão esperando qualquer coisa nova, assisto aos replays em salas de cinema.

Sem nada, apenas debruçado na cama, esse foi apenas o primeiro pensamento do dia, fruto de mais uma noite em claro, fruto de um amor não correspondido, droga.


10 comentários:

  1. Nossa, que texto fantástico. Parabéns mais um vez Nick. *-*

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo esse texto Nicolas. Por mais que eu saiba o motivo da sua tristeza.

    ResponderExcluir
  3. "muito cedo pra destruir tudo que demora tanto tempo pra ficar pronto."
    São lágrimas demais, noites demais, dias demais, distância demais, é muito cedo, ainda preciso dos sorrisos que até hoje só vinheram nos meus sonhos e que demore, a cada novo dia será uma nova lágrima, eu vou abrir meus olhos, mas é muito cedo, o sonho não pode morrer no conto.
    *-*

    ResponderExcluir
  4. "tanta gente queima e arde em pensamentos perversos, ali, mato gente, mato amores e construo saudades, um inferno em perfeito funcionamento, dono de mim mesmo, tão sem rumo. Tão esperando qualquer coisa nova, assisto aos replays em salas de cinema."
    Cada vez melhor Nick... parabéns, vc sabe que eu adoro seus textos! beijos

    ResponderExcluir
  5. De todos, esse é sem duvidas o meu favorito. Ta perfeito Nick <3

    ResponderExcluir
  6. 'Meu inferno fica do lado esquerdo, tanta gente queima e arde em pensamentos perversos, ali, mato gente, mato amores e construo saudades, um inferno em perfeito funcionamento, dono de mim mesmo, tão sem rumo.' nick, parabeééns mais uma vez, teus textos simplesmente dizem tudo *-*

    ResponderExcluir
  7. Muito perfeito, assim como quem o escreveu <3

    ResponderExcluir
  8. como sempre perfeito . *-* @dcristinacm

    ResponderExcluir