domingo, 25 de outubro de 2015

Tapete - Nicolas Santos

De poema em poema :
Manuseio, sem receio
Descarto, descaradamente
Corroboram, enlouquecem feito maré
Manuseio, sem receio.
Pratico, sem fazer, nada se faz
Desfaço, sem pensar
Tragédias são ridículas, o ridículo é trágico.
Positivismo, não
Pluralismo, pluralismo
Regressam, regresso
Atravesso, atravesso.
Limbo qualquer, límpidos quaisquer
Sobre as camadas, camadas
Sob as camadas, camadas
Limbo qualquer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário