quarta-feira, 25 de maio de 2011

as -mil e- duas formas de amar - Nati Busch

não sei o que escrever, 
talvez dizer, que, eu o amo. 
não seria exagero, nem bobagem, 
porque eu o amo.  


percebi, que nunca lhe dei um abraço,
nunca lhe chamei de melhor amigo, 
nem se quer lhe disse o quanto me importo. 
não era necessário. 
ainda não é. 


querendo ou não, 
eu te conto, cada parte dos meus problemas,
e não paro de falar, 
muitas vezes, também não te deixo desabafar, 
desculpe-me. 


Outra tática que não deu certo.
ainda que mal me entenda, 
quero que me prometa, que vai ficar bem.  

5 comentários:

  1. Gostei, gostei õ/
    É como olhar para o lado e não ver, mas sentir.

    ResponderExcluir
  2. Own,coisa mais linda.
    Adoro os textos. =)

    ResponderExcluir
  3. Só pra deixar claro que eu te odeio minha preferida!!!
    rsrsrsrs Tá escrevendo cada vez melhor =)

    ResponderExcluir
  4. Postei esse texto no: http://coisasdeamors2.blogspot.com/
    Se vc se incomodar é só ir lá e mandar eu tirar q eu tiro! Bj
    Amei mto! Vc escreve mto bem...

    ResponderExcluir