segunda-feira, 28 de março de 2011

Strawberry Fields Forever

Morangos para sempre.

Nascemos e como primeiro ato choramos, não é um bom sinal né, mas quem sabe o que o destino nos guarda, talvez o menino que nasceu no meio da rua, graças ao corpo de bombeiros, seja o mais importante do mundo daqui algumas décadas.

Não sabemos de nada a única certeza que temos é que um dia ela em seu cavalo e segurando sua foice vem nos buscar, isso não é sobrenatural é real, ou talvez não, mais agora isso não vem ao caso.

Não se preocupe com a morte, você não sabe nada dela, ela é so outra garota que não te da bola.

O tempo não volta, uma pena adorava ser criança, brincar de corrida de gotas de chuva no vidro de trás do carro, sentado com meu irmão no banco daquele automóvel, os bancos de carro encolheram, ou será que fui eu que cresci ?

Hoje em dia sou muito só e apenas sinto sentimentos tristes, onde foi que deixei o tal do amor, quem sabe, na rua que fica atrás do colégio.

Hoje em dia é mais importante ter uma roupa da moda que um amigo confiavel, esse mundo sujo e horroso, sabe eu não sou desse lugar,não mesmo estou aqui completamente deslocado, perdido e com medo, quando vou voltar para o meu planeta ? Meu planeta é real ? Eu sou real ?

Você me pergunta porque não falo de amor, talvez seja porque só consigo sentir dor aqui nesse lugar, e a única coisa que me deixa de pé são a minha fé e o brilho das estrelas.

Talvez aqui chorando e escrevendo esse texto pensando na vida, eu encontre algum caminho quando criar coragem e sair de casa, quem sabe quando entender que sou real e perceber que morangos não duram para sempre.

14 comentários:

  1. Adorei maninho!!!

    "Não se preocupe com a morte, você não sabe nada dela, ela é so outra garota que não te da bola."

    ResponderExcluir
  2. Mto bom mesmo ...

    "Hoje em dia é mais importante ter uma roupa da moda que um amigo confiavel, esse mundo sujo e horroso, sabe eu não sou desse lugar,não mesmo estou aqui completamente deslocado, perdido e com medo, quando vou voltar para o meu planeta ? Meu planeta é real ? Eu sou real ?"

    ResponderExcluir
  3. Realista demais, por isso gostei! Acho que o mundo precisa um pouco mais disso! ;)

    ResponderExcluir
  4. Hoje em dia sou muito só e apenas sinto sentimentos tristes, onde foi que deixei o tal do amor, quem sabe, na rua que fica atrás do colégio.

    ResponderExcluir
  5. O cara diferente mais legal do mundo!Me amarro nas suas poesias,não ia ser diferente com essa.Tá muiito boa!

    ResponderExcluir
  6. Nossa lindo demais,adorei è serio ><

    ResponderExcluir
  7. Adorei nick. mais uma vez parabéns!

    ResponderExcluir
  8. gente, perfeito! eu amei... espero um dia conseguir escrever coisas tão bonitas assim! eu vou evoluir (: hihihi beijinhos.

    ResponderExcluir
  9. como sempre mais um texto perfeito ~fim~*-*

    ResponderExcluir
  10. muuuuito boom o texto *--------*

    ResponderExcluir
  11. "Você me pergunta porque não falo de amor, talvez seja porque só consigo sentir dor aqui nesse lugar, e a única coisa que me deixa de pé são a minha fé e o brilho das estrelas."
    Eu me apaixono cada dia mais pelo que escreve e cada palavra toca minha alma profundamente...
    Parabéns mais uma vez meu escritor preferido!!!

    ResponderExcluir
  12. muuito bom niick, como sempre né? *-*

    'Não se preocupe com a morte, você não sabe nada dela, ela é so outra garota que não te da bola.'

    ResponderExcluir
  13. Me lembro da conversa que tivemos ''Strawberry fields forever'' e a confusão toda haha ameei *-* afinal, morangos não são pra sempre :x

    ResponderExcluir